02/2020 - Edição 08        


Caros servidores da Fundação CASA,

 

No dia 10 de fevereiro deste ano vivenciamos um dia atípico na cidade de São Paulo e em outros municípios do Estado. Foi o maior temporal em fevereiro desde 1983, de acordo com os dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Como resultado, diversos Centros de Atendimento e Regionais apresentaram dificuldades de acesso e logística para as atividades da Fundação CASA-SP.

Quero dedicar o Conexão CASA para os servidores que se empenharam para chegar aos seus locais de trabalho e que permaneceram nos Centros de Atendimento. Evitamos que uma situação já alarmante se tornasse ainda pior, pois conseguimos garantir o bem-estar dos nossos adolescentes. Em especial, destaco servidores de dois locais: Complexo Vila Maria e CASA Vila Leopoldina. Foram mais de 70 servidores envolvidos nesse processo.

No Complexo Vila Maria, o isolamento causou um transtorno com a alimentação dos adolescentes e dos servidores que estenderam sua jornada de trabalho no local. Com uma cozinha centralizada (e por isso inacessível pela chuva), os Centros de Atendimento da Regional ficaram sem estoque de alimento. Com a ajuda do Águia da Polícia Militar foi possível levar o almoço. Além disso, tivemos todo o suporte para distribuir o jantar, o café da manhã e realizar troca de servidores, em uma logística que se encerrou apenas depois das 20h00.

Já no CASA Vila Leopoldina, o isolamento foi completo. No que pese haver cozinha e estoque, que garantiram a alimentação de todos os adolescentes e servidores, foram 36 horas ininterruptas de trabalho de todos no Centro de Atendimento. Um esforço que deve ser lembrado e reconhecido.

Por isso, a todos os servidores que trabalharam e trabalham com empenho, honestidade e dedicação, o nosso respeito, homenagem e gratidão.

 

Forte abraço,

 

Paulo Dimas

Secretário da Justiça e Cidadania e presidente da Fundação CASA

© Copyright 2019 DTI

Caso não consiga visualizar a mensagem, clique aqui