Por: Assessoria de Imprensa | Publicado em: 13/01/2021 16:22:57

Encontro teve como objetivo apresentar projetos e ações

 

O secretário da Justiça e Cidadania e presidente da Fundação CASA, Fernando José da Costa, realizou nesta quarta-feira (13/01) uma reunião com a equipe do Instituto Mundo Aflora.

A organização da sociedade civil realiza, formalmente desde 2016, ações nos centros socioeducativos femininos da cidade de São Paulo: CASAs Chiquinha Gonzaga, Feminino Bom Retiro (antigo CASA Feminino Parada de Taipas) e CASA de Semiliberdade Azaleia.

A reunião contou com a presença da diretora-executiva do Instituto Mundo Aflora, Andrea Broglia Mendes, da conselheira fiscal do Instituto, Sônia Mendes, do chefe de gabinete da Fundação, Yuri Horalek e Domingues, da assessora da presidência e coordenadora da Assessoria Técnica da Presidência (ATP), Nivea Philippi Bacconi, e da corregedora-geral, Ana Lúcia da Costa Negreiros.

Durante a reunião, foram apresentadas algumas ações e projetos realizados nos últimos anos pelo Instituto e seus respectivos resultados, bem como conhecer os projetos pilotos envolvendo o pós-medida socioeducativa.  

De acordo com o secretário e presidente da Fundação CASA, as ações como as realizadas pelo Instituto são essenciais para as adolescentes. “Uma das maiores dificuldades que essas jovens encontram é a questão do emprego, então, toda a capacitação que elas puderem receber é válida, principalmente a que é oferecida pelo Mundo Aflora”, destacou.

A diretora-executiva do Instituto Mundo Aflora, Andrea Broglia Mendes, destacou ainda a importância de realizar a ponte entre empresas e as adolescentes no pós-medida. “Queremos fazer uma ponte com as empresas, principalmente com as jovens no pós-medida, pois as demandas dessas adolescentes são diferentes das que estão cumprindo medida. Então, queremos preparar essas empresas para acolher e entender as necessidades e dinâmicas desse momento”, concluiu.