Por: Assessoria de Imprensa | Publicado em: 04/02/2019 14:22:27

Caros (as) funcionários (as) da Fundação CASA

Diante de mensagens veiculadas nos últimos dias e, em tempos de fake news (as notícias falsas), circula entre as redes sociais dos funcionários e em aplicativo (WhatsApp) uma mensagem atribuída a uma suposta servidora da área Jurídica da Fundação CASA, sobre fechamento das atividades dos centros socioeducativos do Complexo do Brás e Chiquinha Gonzaga, na capital paulista, além da realocação de Franco da Rocha para outra Divisão Regional.

Não bastasse, ainda cita um suposto complô do Governo do Estado de São Paulo para privatização da Instituição, terceirizando os serviços prestados com afinco cotidianamente pelos funcionários da Gerência de Manutenção (GMan) e da Gerência de Transporte (GTrans).

Nada do que foi veiculado corresponde à verdade. Não há qualquer determinação minha neste sentido, como presidente da Fundação CASA e secretário da Justiça e Cidadania, nem para realização de estudos ou qualquer ato que corresponda ao que é narrado na mensagem.

Lamentavelmente, boatos e notícias falsas como essas, só geram insegurança e ansiedade entre os funcionários, principalmente após a nova gestão assumir o Governo do Estado de São Paulo e, consequentemente, a Fundação CASA. Estou aqui para esclarecer a verdade.

Peço, assim, que este desmentido seja divulgado o máximo possível entre vocês, especialmente aqueles servidores que utilizam as redes sociais e os aplicativos de troca de mensagens como principais fontes de informação.

Conto com o seu apoio, funcionário e funcionária. Obrigado.

Paulo Dimas Mascaretti

Secretário da Justiça e Cidadania e presidente da Fundação CASA