Por: Assessoria de Imprensa | Publicado em: 03/06/2019 17:36:00

Equipe do Centro de Documentação e Pesquisa apresentou a função social do arquivo de prontuários de atendidos da Fundação CASA

 

Parte da equipe do Centro de Documentação e Pesquisa (CPDoc), da Escola para Formação e Capacitação Profissional (EFCP) da Fundação CASA, palestrou nesta segunda-feira (03 de junho), na 3ª Semana Nacional de Arquivos, cuja programação paulistana ocorrerá na Biblioteca Municipal Mário de Andrade (BMA), em São Paulo.

A coordenadora do CPDoc, Ana Cristina do Canto Lopes, e o encarregado Vinícius Guimarães expuseram o trabalho realizado na Fundação CASA para organização dos prontuários de ex-internos a fim de cumprir a função social de acesso à informação.

“A organização segue normas arquivísticas constantes em lei federal e nas orientações do Conselho Nacional de Arquivos”, explicou a coordenadora do CPDoc. “Em 2009 passamos a organizar as documentações conforme os padrões arquivísticos, que envolve higienização, classificação, guarda, entre outros. Possuímos no acervo arquivo datado de 1930, com documentos de 1925”, contou Ana Cristina, que é historiadora.

O arquivo da Fundação CASA é acessível tanto a adolescentes que cumpriram medidas socioeducativas quanto àqueles atendidos da época da Fundação Estadual para o Bem-Estar do Menor (Febem-SP), então classificados como “carentes” e “delinquentes”, além de pesquisadores acadêmicos, em geral historiadores e sociólogos.

A Semana é uma iniciativa do Arquivo Nacional e da Fundação CASA de Rui Barbosa, com atividades relacionadas à divulgação de trabalhos e aproximação entre as instituições arquivísticas e a sociedade. Ela acontece em todo o país entre os dias 03 e 08 de junho. No dia 09 de junho se celebra o Dia Internacional de Arquivos.

Em São Paulo, o Arquivo Público do Estado de São Paulo, a BMA e outros parceiros promovem uma série de iniciativas. A programação paulistana é gratuita e aberta ao público. Haverá oficina de pergaminho para crianças e debates sobre o acervo do Arquivo Histórico Municipal, sobre arquivos digitais permanentes, entre outros. Confira a programação completa.