Por: Assessoria de Imprensa | Publicado em: 18/03/2020 10:44:52

O bate-papo foi conduzido pelo psicólogo do centro, Marcos Tadeu da Silva

 

Um grupo de 10 jovens que cumpre medida socioeducativa no CASA Laranjeiras, em Mogi Mirim, participaram na terça-feira (17/03) de uma roda de conversa sobre feminicídio.

O bate-papo foi conduzido pelo psicólogo Marcos Tadeu da Silva, que atua no centro de atendimento, com o objetivo de conscientizar os jovens sobre a violência doméstica e familiar contra a mulher, proporcionando-lhes mais conhecimento sobre o tema.

A atividade contou ainda com a participação de alguns profissionais da pedagogia e um agente de apoio socioeducativo.