Por: Assessoria de Imprensa | Publicado em: 30/07/2015 17:45:36

Em artigo, profissionais da Superintendência de Saúde da Fundação CASA debatem os resultados alcançados pelos adolescentes que passaram pela assistência psicológica/psicoterapia durante o cumprimento da medida socioeducativa. Com base na amostra de 3.179 jovens, os autores mostram os impactos e refletam sobre a construção de espaços diferenciados dentro da Instituição.

Acesse a íntegra do texto, em formato .pdf.